Seguir por e-mail

quinta-feira, 19 de março de 2015

Convite para o lançamento do livro Perfis de Cultura Popular: Mestres, pesquisadores e incentivadores da cultura maranhense


Release
Lançamento do Livro “Perfis de Cultura Popular”, da Comissão Maranhense de Folclore
Organizado pela professora Mundicarmo Ferretti e pela pesquisadora Zelinda Lima.
Local: Casa de Nhozinho – Rua Portugal, 185 – Praia Grande
Dia: 27 de março de 2015, sexta-feira,  às 18:30 horas


A Comissão Maranhense de Folclore lança, dia 27 de março de 2015, o livro Perfis de Cultura Popular: mestres, pesquisadores e incentivadores da cultura popular maranhense, uma coletânea de artigos com elementos de história de vida de personagens importantes na cultura popular maranhense, muitos deles hoje já falecidos.Os textos foram escritos por vários autores e publicados entre 1993 e 2014, em sua maioria na sessão Perfil Popular, do Boletim da Comissão Maranhense de Folclore-CMF. O livro consta de sessenta e oito (68)  perfis  entre  mestres, especialistas, pesquisadores e incentivadores que se destacaram nas diferentes  áreas da cultura popular: artesanato; bumba-boi; carnaval; culinária; dança folclórica – cacuriá e tambor de crioula; festas do catolicismo popular – Divino Espírito Santo e ritos natalinos; medicina popular; música; rituais afro-brasileiros; teatro.
 A partir de 1996 a Comissão Maranhense de Folclore instituiu em seu Boletim Informativo, a sessão “Perfil Popular”, denominada depois “Perfil de Cultura Popular”, procurando chamar a atenção para nomes expressivos no folclore, visto que o senso comum, principalmente nos setores mais letrados, era de que a cultura popular tradicional, o folclore, não tem autores ou é espontânea. Daí a necesssidade de dar visibilidade aos detentores desses conhecimentos, como Leonardo Martins, Apolonio Melonio, José Negreiros, Laurentino Araujo, Dona Lili, Dona Teté, Hermenegildo Tiburcio da Silva (Tabaco), Epifânia Ribeiro, Francisco Naiva, Mãe Andresa, citando alguns.
Algumas pessoas tiveram mais de uma biografia publicada, nos Boletins da CMF, sessão Perfil Popular e em outra parte do informativo, procurou-se incluir todas elas no livro, pois foram produzidas por autores diferentes. Outros por se dedicarem a diferentes áreas, como Dona Celeste, da Casa das Minas, é destacada aqui não como ‘mineira’ – religião afro-brasileira muito ligada ao folclore maranhense -, mas como especialista em Festa do Espirito Santo, realizada há mais de cento e cinquenta anos e considerada uma das principais manifestações do catolicismo popular do Maranhão.
O livro, traz, ainda, na categoria pesquisadores e incentivadores de folclore, perfis de estudiosos e intelectuais de diferentes épocas que, embora não tenham se notabilizado  por atividades no campo do folclore, foram fundadores da Sub-Comissão Maranhense de Folclore, em 1948, tendo Antonio Lopes como Secretário Geral da Sub-Comissão Maranhense de Folclore e membros Domingos Vieira Filho, Lucy Teixeira, Mario Martins Meireles,  Ruben Almeida, citando os que constam no livro; e aqueles que   reestruturaram a atual Comissão Maranhense de Folclore, em 1992, como Carlos Orlando Rodrigues de Lima, José Valdelino Cécio Soares Dias, Maria do Rosário Carvalho Santos, Maria Michol Pinho de Carvalho, Zelinda Machado de Castro e Lima, biografados.


O livro Perfis  de Cultura Popular: mestres, pesquisadores e incentivadores da cultura popular é uma obra da Comissão Maranhense de Folclore, organizado por Dona Zelinda Lima e professora Mundicarmo Ferretti, com perfis biográficos, em sua maioria, elaborados por membros da CMF. Publicado com recursos provenientes do Edital FAPEMA-2014-Programa de Apoio à Publicação Literária. Apoio da Secretaria de Estado da Cultura, da Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior e da Universidade Federal do Maranhão/Grupo de Pesquisa Mina.

Nenhum comentário:

Postar um comentário